Câncer de pele x pintas: Como identificar?

O câncer de pele é o câncer mais frequente no Brasil e no mundo, sendo mais comum em pessoas com mais de 40 anos. Ele é geralmente causado pela exposição excessiva ao sol e pode aparecer em qualquer parte do corpo.

Tipos de câncer de pele

Esse câncer é dividido em dois tipos:

Melanoma

Aparece em forma de manchas, pintas ou sinais e é o tipo mais grave, aparecendo em 3% das neoplasias malignas da pele. 

Não melanoma

É mais frequente e de menor mortalidade quando identificado precocemente e tratado da forma correta. Os principais tumores do câncer de pele não melanoma são o carcinoma basocelular (se caracteriza por uma lesão e apresenta evolução lenta) e o carcinoma epidermóide (costuma ocorrer em feridas ou sobre cicatrizes).

Quais são os principais fatores de risco? 

  • Pele clara e olhos claros.
  • Histórico pessoal ou familiar de câncer de pele.
  • Doenças cutâneas prévias.
  • Exposição prolongada e repetida ao sol.
  • Exposição a câmaras de bronzeamento artificial.

Quando se preocupar com o surgimento de pintas? 

O câncer de pele tem mais chances de cura quando diagnosticado cedo. Por isso, é importante ficar sempre atento ao surgimento de novas manchas e pintas na pele.

Essas são algumas características que precisam ser observadas:

  • Assimetria: Pintas devem ter lados iguais ou semelhantes.
  • Cor: Fique de olho em pintas com mais de uma cor ou muito escuras.
  • Diâmetro: Pintas maiores são associadas ao melanoma, mas preste atenção nas pequenas também.
  • Borda: Pintas que não têm borda arredondada e bem delimitada podem ser perigosas.
  • Evolução: Se você tem alguma pinta que está evoluindo ou mudando de formato e cor, procure um dermatologista.

Como se prevenir? 

  • Evite exposição prolongada ao sol, especialmente entre 10h e 16h.
  • Use roupas que protegem o corpo e chapéus.
  • Prefira óculos de sol com proteção UV.
  • Use sempre filtro solar com fator de proteção solar (FPS) 15 ou mais.
  • Sempre faça consultas periódicas com um dermatologista.

Lembre-se: O câncer de pele pode ser facilmente tratado de diagnosticado precocemente. Cuide da sua saúde e compartilhe as dicas com quem você ama.

0 comments on “Câncer de pele x pintas: Como identificar?Add yours →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *